Conhecimento Virtual

Projeto Conhecimento Virtual Profa. Hélia Cannizzaro
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 EXAMES EM PATOLOGIAS CARDIOVASCULARES (II)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Hélia Cannizzaro



Mensagens : 1065
Data de inscrição : 23/06/2013

MensagemAssunto: EXAMES EM PATOLOGIAS CARDIOVASCULARES (II)   Dom Nov 03, 2013 6:13 pm

EXAMES EM PATOLOGIAS CARDIOVASCULARES (II)

FEBRE REUMÁTICA (FR) -
A febre reumática não é uma doença reumatoide. Doença reumatoide, autoimune, colagenose são doenças que cursam com anticorpos elevados (ACs) contra o próprio tecido de forma idiopática (ainda não determinado). O repertório normal de suas moléculas são assistidos como atípicos (como lúpus, artrite reumatoide, esclerose múltipla, etc.).
A FR é uma doença que cursa com reumatismos e patologias cardiovascular, mas de ETIOLOGIA RECONHECIDA, causada pelo Streptococcus β hemolítico do grupo A de Lancenfield. Em determinado pacientes, esse agente bacteriano pode levar GNDA (glomerulonefrite difusa aguda). A maioria das doenças autoimune exige tratamento com corticoides, a FR é controlada com penicilina.

Exames de Sangue para FR -
1. cTn (Troponina C) elevada (sinaliza: quanto mais elevada maior necrose por miocardite);
2. Título elevado de ACs antietreptocócicos - Antiestreptolisina O (AEO). Títulos acima do normal faz o diagnóstico de FR e já quando diagnosticada define a necessidade de se fazer o uso de penicilina (maior que 250U);
3. Presença de anti-DNase B;
4. Presença de anti-hialuronidase;
5. VHS elevado (velocidade de hemossedimentação);
6. Presença de proteína C reativa;
7. Leucocitose;
8. Proteínas séricas (diminuição da albumina, aumento de α2 e gama (ACs);
9. Hemocultura negativa.
QUAIS AS PRINCIPAIS LESÕES CARDÍACAS NA FR?
Hélia Cannizzaro
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Jamile Menezes



Mensagens : 6
Data de inscrição : 25/10/2013

MensagemAssunto: Re: EXAMES EM PATOLOGIAS CARDIOVASCULARES (II)   Seg Nov 04, 2013 12:53 am

Na febre reumática, ocorre comprometimento cardíaco na forma de uma pancardite, que é uma inflamação no miocárdio, no pericárdio e no endocárdio. A pancardite é a manifestação mais significativa da febre reumática, pois ela pode causar danos permanentes ao coração. O paciente pode apresentar taquicardia, sinais e sintomas de insuficiência cardíaca, arritmias, atrito pericárdico ou pode ser assintomático, o que dificulta o diagnóstico. O acometimento valvar é muito comum; na fase aguda ocorrem lesões regurgitativas (insuficiência) e na fase crônica são mais comuns lesões obstrutivas (estenose). As valvas mais acometidas são mitral, aótica, tricúspide e pulmonar, nessa sequência. As lesões cardíacas ocorrem em cerca de 50% dos casos. Segundo a revisão "Aspectos Preventivos em Cardiologia": "A cardite reumática resulta de ataque único ou repetido de febre reumática, causando enrijecimento e deformidade das cúspudes, fusão das comissuras valvares e encurtamento das cordoalhas tendíneas dos músculos papilares. Isto resulta em estenose e/ou insuficiência valvar, embora uma possa ser predominante. A valva mitral é afetado isoladamente em 50 a 60% dos casos de cardiopatia reumática. Lesão tricúspide ocorre associada à lesão mitral e/ou aórtica em 10% dos casos a valva pulmonar raramente é afetada."

Fontes:

http://www.reumatousp.med.br/para-pacientes.php?id=21764994&idSecao=18294311

http://www.arquivosonline.com.br/pesquisartigos/Pdfs/1988/V50N1/50010013.pdf
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
João Sóstenes Peter

avatar

Mensagens : 9
Data de inscrição : 29/10/2013

MensagemAssunto: Re: EXAMES EM PATOLOGIAS CARDIOVASCULARES (II)   Sab Jan 11, 2014 3:58 pm

Um ponto importante da febre reumática é a multiplicidade de sintomas/sinais e áreas acometidas. Com isso, resolvi esmiuçar essa patologia e tentar compreender, um pouco, sobre como esses sinais estavam relacionados. A Streptococcus possui em suas fímbrias uma proteína, proteína M, cuja estrutura molecular assemelha-se a alguns tecidos humanos. A partir disso, uma reação cruzada entre epítopos( menor porção do antígeno capaz de gerar uma resposta imunológica) da bactéria e epítopos de tecidos neurais, articulares e válvulas/miocárdio acontece. Diante disso, é possível compreender a relação da FR com a Coréia de Sydenham, artrite e pancardite.

http://www.ufrgs.br/ligadereumatologia/profsaude_FR.html
http://www.reumatousp.med.br/para-pacientes.php?id=21764994&idSecao=18294311
www2.ufpel.edu.br/.../site/.../dfc2c73313cec8354bfa78d29fca23b8.ppt?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: EXAMES EM PATOLOGIAS CARDIOVASCULARES (II)   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
EXAMES EM PATOLOGIAS CARDIOVASCULARES (II)
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Brasil] ANAC realizará exames para obtenção de licenças de habilitação para várias carreiras
» EXAMES DE BENZINA SOBRE OLHOS DE CABRA
» Provas na IVAO

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Conhecimento Virtual :: Medicina - Turma 134 - UFPE-
Ir para: