Conhecimento Virtual

Projeto Conhecimento Virtual Profa. Hélia Cannizzaro
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Patologias da Tireoide levam Lesão Cardíaca?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Hélia Cannizzaro



Mensagens : 1065
Data de inscrição : 23/06/2013

MensagemAssunto: Patologias da Tireoide levam Lesão Cardíaca?   Sex Mar 20, 2015 7:19 pm

Como tratamos, no primeiro contato CV sobre HA, nem sempre a lesão cardíaca tem origem primária (do próprio coração, omo comunicação interatrial ou interventricular, rompimento da válvula mitral do esqueleto fibroso, etc.). Daí a atenção total do médico nas patologias secundárias que levam, concomitantemente, cardiopatia (patia = patologia = doença). Existe hoje um grande interesse na Medicina do coração nas Disfunções Endócrinas. E este é o tema que vamos nos interessar agora. Várias cardiopatias podem ser provocadas por disfunções, por exemplo, da tireoide, por acromegalia, pela síndrome de Cushing, pelo hiperaldosteronismo primário, pela doença de Addison, pelo feocromocitoma, pela Diabetes mellitus, pela obesidade, e outras endocrinopatias. Irei, paulatinamente, informando a etiopatogenia dessas doenças, para que possamos crescer como um todo, ou seja, buscando ver o organismo como um todo, e não como compartimentos isolados de Módulos.
Disfunções de Tireoide e o Coração
1. Hipertireoidismo – Na maioria dos portadores de hiperfunção primária (hipersecreção de T3 e T4 pela glândula tireoide) ou secundária (hipersecreção de TSH pelas células cromófilas da adenohipófise) aparecem manifestações cardiovasculares. Com a tiroxina (T4) e triiodotironina (T3), observa-se uma sensibilização dos tecidos à ação das catecolaminas, com aumento evidente da contratilidade do miocárdio e do consumo de oxigênio. Aumentam os shunts arteriovenosos (que não passam pelos capilares), com aumento do débito cardíaco e do trabalho do coração. O processo pode evoluir para ICC (insuficiência cardíaca congestiva), fibrilação atrial e insuficiência coronária. Dois pontos aqui são fundamentais: A insuficiência cardíaca esquerda cursa com dispneia (=falta de ar, entre outros sintomas) por incapacidade, maior ou menor, de impulsionar o sangue para a aorta e, consequente, tecidos periféricos. A insuficiência cardíaca direita cursa com edema nos MMIIs (membros inferiores), por ser incapaz de receber adequadamente o sangue da cava e, consequentemente, extravasamento para o intersticial (edema). A ICC é ao mesmo tempo, esquerda e direita, mais grave portanto, com dispneia e edema (entre outros sintomas). A insuficiência coronária (com falta de nutrição adequada do miocárdio pelos vasos coronarianos) pode levar a um IAM (infarto agudo do miocárdio), e não necessariamente por um desprendimento de ateroma – você como médico poderá estar diante de um paciente com hipertireoidismo. Clinicamente, esses pacientes têm taquicardia (mesmo em repouso e durante o sono), palpitações e aumento da PA sistólica. A ICC aumenta após os 50 anos;
2. Hipotireoidismo – São descritos aumento da área cardíaca, PA baixa, e raramente desenvolve insuficiência cardíaca. São comuns lesões ateroscleróticas, lembrando que T3 e T4 em concentrações normais séricas (=sanguíneas) têm uma ação hipolipemiante. A cardiomegalia (aumento da área cardíaca) deve-se aos derrames pericárdicos com frequência, por baixo débito cardíaco.
As dosagens laboratoriais de T3 e T4 podem ser realizadas por RIE (radioimunoensaio) ou por ELISA. No RIE, como exemplo, a amostra do doente é misturada com o hormônio, respectivamente, marcado com iodo radioativo (I125) e Ac (anticorpo) anti-hormônio obtido em animais experimentais. A leitura se faz com emissão gama, quanto maior a leitura do complexo marcado, menor o valor do doente e vice-versa. A curva padrão define a concentração. O T3 existe em menor concentração no sangue porque na periferia do nosso organismo é convertido em T4.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Vitor tadeu



Mensagens : 5
Data de inscrição : 21/03/2015

MensagemAssunto: Re: Patologias da Tireoide levam Lesão Cardíaca?   Sab Mar 21, 2015 9:39 pm

Acho válido ressaltar, já que estamos falando de problemas na tireoide, da relação existente entre hipotireoidismo e arteriosclerose.
Isso ocorre porque a falta de hormônios tireoidianas, como no caso do hipotireoidismo, aumenta a concentração sanguínea de colesterol, devido à alterações do metabolismo dos lipídeos e do colesterol e à redução da sua excreção hepática na bile. A elevação do colesterol sanguíneo esta geralmente associada ao aumento da arteriosclerose. Dessa forma, pacientes com hipotireoidismo, tendem a desenvolver arteriosclerose, que por sua vez resulta em doença vascular periférica.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
marina.santiago



Mensagens : 10
Data de inscrição : 19/03/2015

MensagemAssunto: Re: Patologias da Tireoide levam Lesão Cardíaca?   Sab Mar 21, 2015 11:25 pm

Acho interessante acrescentar também que dentre as consequências das disfunções tireoidianas citadas acima ocorre também uma diminuição da tolerância individual ao esforço físico em ambos os casos, devido ao comprometimento dos sistemas cardiovascular e muscular.
No quadro de Hipotireoidismo, a baixa tolerância ao esforço físico deve-se a diminuição da força contrátil do miocárdio com consequente diminuição do débito cardíaco, este último sendo relevante na determinação do grau de tolerância ao esforço.
Já no quadro de Hipertireoidismo, a baixa tolerância ao esforço deve-se a um aumento do débito cardíaco combinado ao aumento dos níveis de hormônios tireoidianos por um tempo prolongado e à manutenção de uma frequência cardíaca permanentemente alta, gerando prejuízo na capacidade de trabalho do coração.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Cicera Analú Alves da Sil



Mensagens : 9
Data de inscrição : 19/03/2015

MensagemAssunto: Re: Patologias da Tireoide levam Lesão Cardíaca?   Dom Mar 22, 2015 2:56 am

Um ponto válido para comentar é a associação de hipertensão da artéria pulmonar (HAP) a tireopatias. Um estudo constatou que 35% dos pacientes com hipertireoidismo tinha HAP. Uma curiosidade é que no tratamento da HAP causada por hipertireoidismo é utilizado o NO ( monóxido de nitrogênio) porque ele é um vasodilatador; observa-se também que a produção de NO por células endoteliais está diminuída em pacientes com hipertireoidismo. O interessante é que o NO em grandes quantidades causa poluição atmosférica e é prejudicial a saúde. Isso mostra que dependendo das quantidades uma determinada substância pode ser tanto benéfica quanto maléfica para saúde. Daí a importância de pesquisas que buscam encontrar soluções em campos totalmente descreditados.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hélia Cannizzaro



Mensagens : 1065
Data de inscrição : 23/06/2013

MensagemAssunto: Re: Patologias da Tireoide levam Lesão Cardíaca?   Dom Mar 22, 2015 5:35 pm

Vitor Tadeu
Qual a diferença entre aterosclerose e arteriosclerose?
O acúmulo lipídico é o mesmo, mas o que varia é o calibre do vaso?

Vitor tadeu escreveu:
Acho válido ressaltar, já que estamos falando de problemas na tireoide, da relação existente entre hipotireoidismo e arteriosclerose.
Isso ocorre porque a falta de hormônios tireoidianas, como no caso do hipotireoidismo, aumenta a concentração sanguínea de colesterol, devido à alterações do metabolismo dos lipídeos e do colesterol e à redução da sua excreção hepática na bile. A elevação do colesterol sanguíneo esta geralmente associada ao aumento da arteriosclerose. Dessa forma, pacientes com hipotireoidismo, tendem a desenvolver arteriosclerose, que por sua vez resulta em doença vascular periférica.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hélia Cannizzaro



Mensagens : 1065
Data de inscrição : 23/06/2013

MensagemAssunto: Re: Patologias da Tireoide levam Lesão Cardíaca?   Dom Mar 22, 2015 5:36 pm

Marina Santiago
Boa contribuição.

marina.santiago escreveu:
Acho interessante acrescentar também que dentre as consequências das disfunções tireoidianas citadas acima ocorre também uma diminuição da tolerância individual ao esforço físico em ambos os casos, devido ao comprometimento dos sistemas cardiovascular e muscular.
No quadro de Hipotireoidismo, a baixa tolerância ao esforço físico deve-se a diminuição da força contrátil do miocárdio com consequente diminuição do débito cardíaco, este último sendo relevante na determinação do grau de tolerância ao esforço.
Já no quadro de Hipertireoidismo, a baixa tolerância ao esforço deve-se a um aumento do débito cardíaco combinado ao aumento dos níveis de hormônios tireoidianos por um tempo prolongado e à manutenção de uma frequência cardíaca permanentemente alta, gerando prejuízo na capacidade de trabalho do coração.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hélia Cannizzaro



Mensagens : 1065
Data de inscrição : 23/06/2013

MensagemAssunto: Re: Patologias da Tireoide levam Lesão Cardíaca?   Dom Mar 22, 2015 5:41 pm

Cícera Analú Alves
Existem outros vasodilatadores.
E os campos, Cícera, "descreditados", passam a ser creditados quando vocês, "que segurarão nossos bastões" correrão bem mais nas pesquisas para alcançar este desiderato.


Cicera Analú Alves da Sil escreveu:
Um ponto válido para comentar é a associação de hipertensão da artéria pulmonar (HAP) a tireopatias. Um estudo constatou que 35% dos pacientes com hipertireoidismo tinha HAP. Uma curiosidade é que no tratamento da HAP causada por hipertireoidismo é utilizado o NO ( monóxido de nitrogênio) porque ele é um vasodilatador; observa-se também que a produção de NO por células endoteliais está diminuída em pacientes com hipertireoidismo. O interessante é que o NO em grandes quantidades causa poluição atmosférica  e é prejudicial a saúde. Isso mostra que dependendo das quantidades uma determinada substância pode ser tanto benéfica quanto maléfica para saúde. Daí a importância de pesquisas que buscam encontrar soluções em campos totalmente descreditados.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Vitor tadeu



Mensagens : 5
Data de inscrição : 21/03/2015

MensagemAssunto: Re: Patologias da Tireoide levam Lesão Cardíaca?   Qui Mar 26, 2015 3:39 am

Eita me confundi. Desculpa professora.
A arterosclerose, que é o processo patológico presente no hipotireoidismo, se caracteriza pelo espessamento focal da túnica íntima do vaso. Esse processo, ocorre por conta do depósito de colesterol em células musculares lisas e em macrófagos (essas células quando fortemente carregadas de lipideos são chamandas de células espumosas).Além disso, a ploriferaçao das células musculares lisas e elementos celulares e extracelulares do tecido conjuntivo também estão presentes nesse quadro.
Já a arteriosclerose é o processo degenerativo normal que acompanha o envelhecimento. Desse modo, com o passar da idade desenvolve-se um processo de endurecimento dos vasos, isto é, uma situação de espessamento e perda de elasticidade dos vasos em questão.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hélia Cannizzaro



Mensagens : 1065
Data de inscrição : 23/06/2013

MensagemAssunto: Re: Patologias da Tireoide levam Lesão Cardíaca?   Qui Mar 26, 2015 8:14 pm

Ok Vítor Tadeu
Tudo tranquilo.
O CV é um local amigável, presenteia na nota mas principalmente no aprendizado clínico diretamente relacionado com o que o básico, é local de tirar dúvidas, pesquisar, apresentar novos temas e visões, enfim, ficarmos amigos e até poetizar.
O CV, historicamente, ensina de verdade. Porque não amedronta em provas secretas, fechadas, que não nos deixa dormir, e nos acorda antipatizados por tudo e por todos.
Um abraço viu, Vitor Tadeu.


quote="Vitor tadeu"]Eita me confundi. Desculpa professora.
  A arterosclerose, que é o processo patológico presente no hipotireoidismo, se caracteriza pelo espessamento focal da túnica íntima do vaso. Esse processo, ocorre por conta do depósito de colesterol em células musculares lisas e em macrófagos (essas células quando fortemente carregadas de lipideos são chamandas de células espumosas).Além disso, a ploriferaçao das células musculares lisas e elementos celulares e extracelulares do tecido conjuntivo também estão presentes nesse quadro.
  Já a arteriosclerose é o processo degenerativo normal que acompanha o envelhecimento. Desse modo, com o passar da idade desenvolve-se um processo de endurecimento dos vasos, isto é, uma situação de espessamento e perda de elasticidade dos vasos em questão.
[/quote]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
marcus.caio



Mensagens : 6
Data de inscrição : 19/03/2015

MensagemAssunto: Re: Patologias da Tireoide levam Lesão Cardíaca?   Qui Mar 26, 2015 10:28 pm

Li que o tratamento padrão para o hipotireoidismo envolve o uso diário de uma versão sintética do hormônio T4: a levotiroxina. Esta medicação tem como função restaurar os níveis hormonais adequados, revertendo os sinais e sintomas apresentados. É importante frisar que essa medicação também reduz os níveis de colesterol (o que confirma sua ação hipolipemiante) e ajuda a reverter eventuais ganhos de peso do paciente provocados pelo hipotireoidismo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hélia Cannizzaro



Mensagens : 1065
Data de inscrição : 23/06/2013

MensagemAssunto: Re: Patologias da Tireoide levam Lesão Cardíaca?   Sex Mar 27, 2015 1:29 am

Marcus Caio
Lido

marcus.caio escreveu:
Li que o tratamento padrão para o hipotireoidismo envolve o uso diário de uma versão sintética do hormônio T4: a levotiroxina. Esta medicação tem como função restaurar os níveis hormonais adequados, revertendo os sinais e sintomas apresentados. É importante frisar que essa medicação também reduz os níveis de colesterol (o que confirma sua ação hipolipemiante) e ajuda a reverter eventuais ganhos de peso do paciente provocados pelo hipotireoidismo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Patologias da Tireoide levam Lesão Cardíaca?   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Patologias da Tireoide levam Lesão Cardíaca?
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Internacional] Cardápio sob medida em pleno voo
» [Internacional] Cardápio novo na Lufthansa
» [Brasil] Balões levam a rebaixamento do espaço aéreo brasileiro

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Conhecimento Virtual :: Medicina - Turma 137 :: CV Propriamente dito-
Ir para: